Correio dos Campos

Órgãos municipais participam de mobilização pelo combate ao abuso e exploração de crianças e adolescentes

Na segunda-feira (18), algumas instituições montarão jardins para conscientizar a população sobre a causa e deixar a cidade mais florida
15 de Maio de 2020 às 17:01
(Reprodução/Internet)

IMPRENSA/Ponta Grossa – A Prefeitura de Ponta Grossa informa que na próxima segunda-feira (18), alguns órgãos e instituições ligados à administração pública municipal realizarão uma mobilização em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes. A ação envolverá o Hospital da Criança, as escolas municipais, os conselhos tutelares, o Centro de Referência Especializado de Assistência Social, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), além de repartições do estado e entidades sociais.

A mobilização é organizada pela Comissão Municipal de Enfrentamento às Violências contra Crianças e Adolescentes (Ceves), em parceria com as instituições participantes. Na ocasião, flores símbolo da campanha ‘Faça Bonito’ serão espalhadas pelo município, com o intuito de motivar a população a refletir sobre a temática e de deixar a cidade mais florida.

O Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes é comemorado no dia 18 de maio. A data relembra um crime ocorrido em 1973, no mesmo dia, na cidade de Vitória (ES), em que uma menina de oito anos foi raptada, estuprada e assassinada por jovens de classe média alta. O acontecimento ficou conhecido como ‘caso Araceli’.

O município de Ponta Grossa tem a tradição de realizar mobilizações na data. Em anos anteriores, panfletagens e palestras sobre a campanha eram realizadas. No entanto, devido a pandemia do coronavírus, neste ano, a ação escolhida para relembrar a causa é a montagem de jardins.

“Mesmo com a situação da Covid-19 no mundo, nós da Ceves pensamos que seria importante realizar alguma ação no dia 18, mesmo que de forma sutil e simbólica, pois neste período onde as crianças ficam mais restritas aos lares, há o risco de elas serem violentadas. Foi então que decidimos optar por montar os jardins, como uma forma de dar visibilidade à causa, mas sem causar aglomerações”, destaca a presidente da Ceves e assistente social do Hospital da Criança, Thaize de Oliveira.

Os jardins estarão montados a partir das 11 horas na praça central da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), fórum de Ponta Grossa (vara da Infância e Juventude), Hospital Universitário Regional, Hospital da Criança, escolas municipais, Creas, conselhos tutelares, em cinco instituições de acolhimento (APAM, Francisclara, Núcleo Promocional Pequeno Anjo, Atendimento Municipal de Adolescentes e Instituto João XXIII), no Colégio Sagrada Família, no Colégio Marista Pio XII, na Unimed e na Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

No mesmo dia, às 16h, o Departamento de Serviço Social da UEPG, em parceria com a Ceves, realizará uma live com o tema “O enfrentamento intersetorial das violências contra crianças e adolescentes”. O evento será transmitido no Youtube e contará com a participação da professora Dra. Zelimar Soares Bidarra da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) e professora Dra. Cleide Lavoratti da UEPG.