Correio dos Campos

ACIPG parabeniza Rádio Sant’Ana pelo auxílio à empresários

11 de Maio de 2020 às 15:21
(Divulgação/ACIPG)

COM ASSESSORIAS – Em um momento complicado como o que atualmente vivemos, em que as empresas sofrem grandes impactos devido a medidas restritivas, ocasionadas pela pandemia da Covid-19, toda a ajuda é bem-vinda. A Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Ponta Grossa (ACIPG) valoriza ações que auxiliem os empresários, como o Programa Rádio Solidária, da Rádio Santana.

A Sant’Ana FM pertencente a Fundação Sant’Ana de Comunicação, situada em Ponta Grossa, Paraná, sendo a quarta emissora a se instalar na cidade, operando em FM 89,7 MHz desde 2017, tendo abrangência em grande parte dos municípios dos Campos Gerais.

De acordo com o gerente administrativo, Gilberto Alves de Oliveira, com os efeitos da pandemia do novo coronavírus a Rádio Sant’Ana sentiu, como qualquer outra empresa de comunicação, as receitas caírem drasticamente. “Se o comércio e os serviços estão impossibilitados de trabalhar, a primeira coisa que é cortado são os gastos em publicidade. Tivemos diversos contratos congelados e cancelados, devido as medidas de restrição geradas pela Covid-19”, explica Oliveira, salientando que juntamente com isso, espaços foram abertos na grade de comerciais da emissora.

Outro fator apontado pelo gerente, foi o registro de queda dos anúncios de balcão, propagandas avulsas, herdadas do perfil do modelo de rádio AM. “O problema é que mesmo este tipo de propaganda que é bem mais em conta, para divulgação esporádica de vendas, aluguéis e serviços também caíram. Avaliamos que até os pequenos empresários e autônomos não estavam em condições de pagar pelos anúncios”, conta Oliveira.

Foi então que, em reunião, ficou definido que mesmo com a dificuldade de honrar com os compromissos, em virtude a redução do número de anúncios, deveria ser feito algo para ajudar as pessoas. “O programa Rádio Solidária é destinado para autônomos e pequenas empresas que estão com as portas fechadas, bem como para aqueles que começaram a fazer outros serviços, até na informalidade para poder se sustentar”.

O gerente elucida que os microempresários ou autônomos devem entrar em contato com a Rádio Sant’Ana por WhatsApp e enviar um áudio de até 30 segundos, se identificando, falando qual o que comercializa ou qual serviço presta, bem como divulgar o telefone para contato. O anúncio será veiculado uma vez por dia, por sete dias corridos.

Ele relata que a emissora conta com 20 quadros distribuídos em toda a programação desde as 5 da manhã até as 20 horas e nestes blocos, entra sempre um anúncio com este perfil. Segundo Oliveira, existe uma fila de inserção e caso o autônomo ou microempresa queira veicular novamente, outra gravação deve ser enviada pelo próprio empresário. “Não são permitidos spot ou outros tipos de propagandas, como também, não temos um controle de horário que o áudio será veiculado. No entanto, entendemos que estamos fazendo nossa parte nesta crise que atinge todo o mundo. Esta é a maneira que o veículo rádio pode estar colaborando com a sociedade”, comenta o gerente.

Para o diretor secretário da presidência da ACIPG, Ermar Toniolo, a Rádio Sant’Ana é um excelente exemplo de resiliência e solidariedade neste momento de pandemia. De acordo com ele, mesmo com as dificuldades encontradas em virtude das medidas restritivas aos setores de comércio e serviços, e queda na receita, demonstram um esforço para ajudar o empresariado local. “Enquanto entidade associativista, a ACIPG parabeniza a Rádio Sant’Ana pela prestação de serviço e auxílio a comunidade, por se solidarizar com empresários que estão com mais dificuldade neste cenário de crise”, finaliza o diretor.

Para os microempresários e autônomos que ficarem interessados em participar do Programa Rádio Solidária da Sant’Ana FM, devem entrar em contato pelo WhatsApp (42) 99151-8989.